• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mignonnes: corra e assista no Netflix antes que Damares censure
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

"Remédio Amargo": filme que lava a alma da mulher oprimida

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > futebol > copa do mundo

Futebol - Copa do Mundo

 

Domingo, 30 de Junho de 2019

Morre o Comandante Clemente aos 68 anos

Comandante Clemente: resistência armada
Comandante Clemente: resistência armada
Por Fábio Lau

Morre aos 68 anos o grande brasileiro Carlos Eugenio Sarmento Coelho da Paz, o Comandante Clemente. Aos 18 anos, soldado do Exército e campeão de tiro, entrou para a luta armada contra a ditadura militar. Jamais foi preso ou torturado. Foi membro da ALN até se tornar comandante com a morte de Carlos Marighela. Seu maior troféu na luta foi ter reagido a uma emboscada e acertado um tiro no delegado psicopata e torturador Sérgio Fleury: "eu não acertei o nariz. Errei o olho" - costumava dizer.



Uma conversa com o jovem de 68 e uma representante do mídia Ninja
Uma conversa com o jovem de 68 e uma representante do mídia Ninja  


Perseguido, com fotografia em cartazes em todo o país, Clemente deixou o Brasil. Viveu em Cuba e na França onde desenvolveu o dom para a música. Esta arte viraria trabalho e se tornaria professor ao regressar no início dos anos 80. Foi filiado ao PSB de Miguel Arraes. Também guerrilheira, a advogada pernambucana Amparo Araújo relata que um dos poucos momentos de delicadeza dos tempos da luta armada foi protagonizado por ele:

-Estávamos num aparelho (esconderijo) no subúrbio do Rio. Era meu aniversário de 15 anos e , claro, não teria presente. Clemente foi à rua e voltou com ingredientes numa sacola. Ele fez pra mim o bolo de chocolate mais gostoso que comi na vida - disse ela.

Ao me visitar há alguns anos coloquei os dois para uma conversa ao telefone. Não se falavam desde aquele aniversário.

Comandante Clemente, Presente!

Biografia



Nascido em Maceió (AL), em 23 de julho de 1950, se mudou com a família para o Rio de Janeiro, onde estudou no Colégio Pedro II. Militante da ALN, participou ativamente de inúmeras ações contra a ditadura militar, entre elas o justiçamento do industrial dinamarquês Henning Boilesen, um dos principais financiadores da Operação Bandeirantes (OBAN) e espectador assíduo de sessões de tortura contra presos políticos praticadas nas dependências do DOI-Codi.

Em 1973, Clemente vai para Havana e de lá segue para a União Soviética e a Iugoslávia, e finalmente se estabelece em Paris. Retorna ao Brasil em 1981.

Carlos Eugênio trabalhou como professor de Música e escreveu dois livros sobre a resistência à ditadura: Viagem à luta armada (1996) e Nas trilhas da ALN (1997).

"Ele se vai como viveu a vida: com coragem", disse Maria Cláudia, sua companheira, ao informar a amigos e companheiros sobre a partida de Clemente, vítima de falência respiratória, aos 68 anos.

Carlos Eugênio deixa o exemplo de coragem e solidariedade aos companheiros de uma vida de lutas. "Fui agraciado pela valentia, pela dignidade dos companheiros que foram torturados pra dizerem onde eu estava - e muitas vezes eles sabiam - mas não disseram. Minha sobrevivência eu dedico a eles"

 

Veja também:

>> Crítica & Literatura: Arrepios num inverno tropical

>> Novos diálogos mostram pré-disposição de Dallagnol em atacar Jacques Wagner

>> NYT: "Democracia em Vertigem" está entre os dez melhores filmes do ano

>> O passado de volta: Bolsonaro faz Brasil exportar madeira bruta para a Europa

>> E aí Freixo levanta uma bandeira branca para Bolsonaro....

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Morre o Comandante Clemente aos 68 anos
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!