• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020

Mignonnes: corra e assista no Netflix antes que Damares censure
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020

"Remédio Amargo": filme que lava a alma da mulher oprimida

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > futebol > brasileiro

Futebol - Brasileiro

 

Quinta-feira, 18 de Julho de 2013

Governo, o velho jornalismo e as novas mídias - Ouça a entrevista

Da Redação

Miguel do Rosário, Fábio Lau e Gilberto de Souza
Miguel do Rosário, Fábio Lau e Gilberto de Souza
O comportamento do governo brasileiro diante da velha mídia, o receio das autoridades de se tornarem alvo de pressões orquestradas e o engavetamento de projetos que pretendem oxigenar a Comunicação no país foram temas de entrevista entre os jornalistas Fábio Lau, de Conexão Jornalismo, Gilberto de Souza, do Correio do Brasil, e Miguel do Rosário, do site O Cafezinho. Transmitido Ao Vivo na tarde de quarta-feira (17) pelo site Conexão Jornalismo, a entrevista, a pedidos dos internautas, será reproduzida a partir de hoje em áudio e vídeo. Saiba mais.

Editor de O Cafezinho, Miguel do Rosário falou sobre a reportagem publicada no seu site onde denunciou a suposta dívida com a Receita Federal, da ordem de R$ 600 milhões, da TV Globo. A dívida, que era mantida como segredo de Justiça, resultou em um processo na própria Receita quando a funcionária Cristina Maris Meinick Ribeiro fez desaparecer a documentação. O caso foi noticiado em primeira mão pelo Site O Cafezinho. Os valores, segundo a denúncia, são referentes a aquisição pela Globo do direito de transmissão da Copa do Mundo de 2002. A compra teria sido feita via paraíso fiscal para fugir do pagamento de tributos no Brasil - o que configura sonegação.

Um dos precursores da mídia via internet, Gilberto de Souza do Correio do Brasil revelou o quanto o governo tem sido parcial ao privilegiar a velha mídia na distribuição da verba publicitária. "Os grandes grupos de comunicação, como Globo, RBS, Abril e Folha de São Paulo, abocanham mais de 90% da verba publicitária governamental deixando os setores alternativos distantes de crescimento e novos investimentos. Só no Brasil o governo se permite refém de uma política centralizadora e viciada", disse Gilberto de Souza. Ele salientou que, a partir das últimas manifestações, todos os políticos perderam terreno junto aos eleitores.

Anfitrião do encontro, o editor de Conexão Jornalismo, Fábio Lau, disse que há hoje uma certeza: a mídia alternativa já é uma importante formadora de opinião. Há respeito e credibilidade na notícia a exemplo do que ocorreu com a denúncia de O Cafezinho contra a Globo. Um exemplo semelhante a luta bíblica entre Davi e Golias. E a reportagem se transformou viral na Internet. Outro exemplo, citou o jornalista, foi a vendas do livro Privataria Tucana, de Amaury Ribeiro Jr, que se tornou bestseller mesmo boicotado pelos grandes meios de comunicação.

A entrevista completa você ouve agora.

 

Veja também:

>> Audiência de "A Liga" com caso Daleste encosta na Globo

>> Ator de '007' é encontrado morto no sul da Inglaterra, diz site

>> Fã que contratou show da Wanessa Camargo pode perder casa dos pais para agiota

>> Traje especial deixa surfistas invisíveis a tubarões

>> Britânica inventa 'câmera que capta cheiros'

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Governo, o velho jornalismo e as novas mídias - Ouça a entrevista
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!