• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Você é um abolicionista moderno ou escravagista?
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Domingo, 10 de Dezembro de 2017

Morre aos 98 anos a atriz Eva Todor

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > entrevista > personalidade

Entrevista - Personalidade

 

Terça-feira, 03 de Março de 2015

Evangélico critica 'Gladiadores' da Universal e prega união contra o fanatismo - ouça

Por Rogério Imbuzeiro

O pastor Alexandre Cabral diante dos Gladiadores de Edir Macedo
O pastor Alexandre Cabral diante dos Gladiadores de Edir Macedo
O pastor presbiteriano Alexandre Cabral conta que já foi visitar duas vezes a Igreja Universal, mas acabou sendo retirado de lá, após tentarem "expulsar os demônios" que estariam com ele. Ou seja, nosso entrevistado sabe onde pisa. Mas diz que nunca tinha visto as imagens "incômodas e anacrônicas" dos Gladiadores do Altar em ação, nos templos da Universal. Embora para Alexandre os vídeos sejam preocupantes, ele não chega a se surpreender: "A militarização da fé sempre acompanhou o Cristianismo. E não é estranho que ela esteja de volta, ainda mais em um país complexo e carente como o Brasil." Na entrevista, o pastor enfatiza que é preciso reagir, e revela como católicos e protestantes em sintonia com a modernidade se unem para combater o obscurantismo. Ele também destaca a importância das escolas e da mídia para salvar consciências. Ouça.

Veja os vídeos na reportagem: Operou-se um milagre? Cadê os 'Gladiadores' da Universal?

A primeira sensação de Alexandre ao assistir a um dos vídeos foi de desconforto:

- Isso tudo parece um pouco gritante hoje, porque o mundo inteiro está clamando por uma outra prática, que é a da desmilitarização, da pacificação, da falta de adversários e da criação de alianças. Os vídeos parecem um pouco fora do nosso tempo. Embora a gente veja, além dos "soldados", muita gente com seus smartphones, gostando daquilo, aprovando aquilo...

O símbolo presente nas camisas dos Gladiadores
O símbolo presente nas camisas dos Gladiadores  
Passado o "susto", ele parte para a análise:

- Ao longo da história da Igreja você vê uma série de tentativas como essa, de você militarizar o cristão, como aquele que tem que enfrentar e combater inimigos, conquistar almas para Cristo.

Durante a entrevista, Alexandre Cabral fala sobre o início desse processo de catequese e dominação, ainda nos primórdios do Cristianismo, e mostra como igrejas como a Universal se apropriam de elementos de outras religiões, como da igreja católica e até da umbamda, se forem úteis aos seus interesses. Assim como se aproveitam de aspectos da cultura atual que possam exercer atração e impacto:

- Algo que se aproxima, por exemplo, do discurso do Bope, das polícias de choque, e que de alguma maneira são expressivos para a nossa sociedade. Um belicismo religioso, com gritos de guerra, símbolos de guerra e estratégias de anulação de supostos adversários.

Mais uma vez, uma postura totalmente contrária ao que pregou Jesus de Nazaré, diz Alexandre. A mensagem era a de pluralidade, tolerância e harmonia entre os diferentes, para construir uma humanidade plural e rica de conhecimentos.


-
Algo que a CNBB e Núcleos Evangélicos progressistas começam a discutir. Saiba, na entrevista, detalhes desses encontros em que se busca um "pacto ecumênico". Outras religiões, mesmo fora da tradição cristã, também são bem-vindas.

- Me parece que existe um pano de fundo na nossa cultura que abre espaço para você ter manifestações de submissão irrestrita. E que vê na submissão uma forma de você experimentar um sentido para a existência. Isso é lamentável, especialmente nos dias de hoje. Precisamos nos mobilizar e reagir.

Ouça a entrevista na íntegra:

 

Veja também:

>> Veja admite ter mentido em reportagem que acusava Lula de dar R$ 220 mil a sobrinho

>> Com reforço de caixa, Madureira cresce e aparece no Carioca

>> Um flagrante mais do que inusitado: santa carona!

>> Acre: um estado devastado e fascinado com o 'tsunami fluvial'

>> Coleção de fuscas reaquece a procura do automóvel por ladrões - ouça aqui

>> Teoria da Conspiração: e se 13 for maior do que o 15?

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Evangélico critica 'Gladiadores' da Universal e prega união contra o fanatismo - ouça
 

Copyright 2017 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!