• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Morgan Freeman é acusado por oito mulheres de abuso sexual
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Atriz envolvida em seita arregimentava mulheres para estupro

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > economia

Economia

 

Sábado, 03 de Março de 2012

O país que o Brasil poderia ser - Quanto a sangria financeira tem levado de futuro?

Carta Maior

O BNDES aprovou na 4ª feira um empréstimo de R$ 1,5 bilhão ao Senai. Somados a outros R$ 400 milhões da própria instituição, os recursos vão financiar um programa destinado a praticamente dobrar o número de vagas em cursos profissionais, chegando a 4 milhões por ano, em 2014. Além de duplicar vagas, o dinheiro é suficiente também para ampliar o total de escolas da rede, com a construção de 53 novos Centros de Formação Profissional, seis institutos de Tecnologia, sete institutos de Inovação e 79 unidades móveis. Apertem os cintos: tudo isso está sendo feito com o equivalente a menos de 10% do superávit fiscal recorde obtido em janeiro ; foram R$ 20,8 bilhões integralmente destinados ao pagamento de juros aos rentistas da dívida pública brasileira. A economia feita pelo governo com essa finalidade cresceu mais de 46%, comparado a janeiro de 2011. Numa aproximação grosseira, pode-se inferir que se 50% desse valor fosse canalizado em benefício da educação profissionalizante seria possível abrir quase 10 milhões de vagas em bons centros de ensino (e não há motivo para que não contemplassem também uma formação humanista), beneficiando maciçamente a juventude pobre do país. Hoje, de cada três crianças que ingressam na escola pública, apenas uma chega ao final do ensino médio.Outras duas ficam pelo caminho, incorporando-se ao mercado de trabalho sem qualquer amparo ou formação. Insista-se, são cálculos rudimentares. Mas eles ilustram o país que o Brasil poderia ser e, sobretudo, um pedaço dos obstáculos que o condenam à inércia incremental, insuficiente para construir a sociedade justa que seu povo exige e merece.

ver mais >>

Sexta-feira, 02 de Março de 2012

Conexão Jornalismo - Taxa de pobreza alcança seu nível mais baixo na AL: 6,5%

Da Agência France Press, desde Washington:

“O número de pobres que vivem com menos de US$ 1,25 por dia caiu a níveis recorde na América Latina no triênio 2005-2008, a 6,5% da população, a mesma tendência apresentada em todos os países em desenvolvimento, informou nesta quarta-feira o Banco Mundial.

ver mais >>

Quinta-feira, 01 de Março de 2012

Conexão Jornalismo - Crise européia pune principalmente população jovem

Taxa de desemprego passa de 1/5 da população economicamente ativa da Espanha, entre os mais jovens o drama é ainda maior, chega a 50%. O capitalismo fracassa e traz sofrimento aos povos

Da Carta Capital

Taxa de desocupação jovem mina a Zona do Euro
De todos os vários problemas da Zona do Euro, o desemprego entre os jovens talvez seja o mais perturbador. O índice nesta faixa da população é de aproximadamente 30% em Portugal e quase 50% na Espanha. O desemprego acima da média é a norma entre os jovens, mesmo em mercados mais liberais como o dos Estados Unidos. Mas a taxa de desocupação jovem na Espanha saltou quase 20 pontos percentuais entre 2007 e 2009, comparado com um aumento de 7 pontos nos EUA. As regulamentações do mercado de trabalho têm grande parte da culpa: enquanto trabalhadores mais velhos e difíceis de demitir se regalam com contratos permanentes, os jovens são geralmente contratados em base temporária, e mais fáceis de demitir.

ver mais >>

Quinta-feira, 01 de Março de 2012

Conexão Jornalismo - A abertura chinesa, fartura de dinheiro na Europa e as lições que temos que aprender

Por Saul Leblon - Carta Maior

Em 68 dias, de 21 de dezembro último a esta 4ª feira, 29 de fevereiro, o BCE injetou mais de um trilhão de euros no sistema bancário da UE, a taxa de juros de 1% ao ano, com prazo mínimo de 3 anos para pagar. Se os banqueiros e acionistas decidirem - como de fato tem feito - não emprestar à produção dissolvente, nem ao consumo esfarelado pelo desemprego e o arrocho laboral, que outro destino lucrativo poderiam dar à chuva de dinheiro barato? Uma hipótese matemática: a taxa de juro real hoje no Brasil (descontada a inflação) é da ordem de 5%.

ver mais >>

Terça-feira, 28 de Fevereiro de 2012

Conexão Jornalismo - Crescimento do Bric determinou redução na desigualdade mundial

Por Emir Sader

“A desigualdade brasileira está entre as dez mais altas do mundo, apesar de estar no piso das nossas séries históricas.” Assim começa Marcelo Cörtes Neri artigo no Valor sobre o tema..

ver mais >>

Domingo, 26 de Fevereiro de 2012

Crise europeia

Especialistas das áreas de economia, política e até astrologia analisam as razões que levaram nações estáveis e consolidadas como Grécia, Portugal e Espanha a enfrentarem crises que parecem não ter fim. Amanhã, na Rádio Conexão, a partir do meio dia.

ver mais >>

Pág. atual: 130/131
 
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!