• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 
Audiência na TV

Segunda-feira, 13 de Agosto de 2018

Globo bate forte em Aécio Neves e Anastasia - vídeo
Audiência na TV

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook

Conexão TV

Quarta-feira, 08 de Agosto de 2018

"Chandler Bing", de Friends, é internado às pressas nos EUA

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
VER +

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > cultura > novas mídias

Cultura - Novas Mídias

 

Segunda-feira, 21 de Maio de 2012

Dilma cobra de empresas internet mais barata

Da Folha

Brasil paga caro por serviço ruim
Brasil paga caro por serviço ruim

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira que o governo está cobrando das empresas privadas que o acesso à internet seja mais rápido e que seja vendido a um preço justo. Em seu programa semanal de rádio "Café com a Presidenta", Dilma disse que a ampliação do acesso à banda larga vai gerar "inúmeras oportunidades para mais brasileiros e para mais brasileiras".

ver mais >>

Sábado, 19 de Maio de 2012

Editorial de Carta Capital equivale a um soco no estômago
Jornalista lembra episódios marcantes vividos por ele na Abril

Mino Carta, da Carta Capital

O ódio de Collor, segundo Veja
O ódio de Collor, segundo Veja
A fabricação da mídia, segundo Conti
A fabricação da mídia, segundo Conti

Fábio Lau
Mino Carta é uma das reservas brasileiras do bom jornalismo: aquele que defende de forma intransigente a notícia bem apurada a despeito da manchete que ela provoque. É também defensor da informação crua, em contraposição a um outro jornalismo que direciona baterias contra ou a favor dependendo de onde estejam os amigos ou inimigos da ocasião. Por conta disso há no seu estilo uma contundência grave, mas não ácida, que o transforma em um escriba de primeira grandeza. Neste artigo transformado em editorial pela Carta Capital ele relata sua vivência na Veja de sua criação, as razões de sua saída, e nos faz pensar que somos ingênuos, e não cretinos, quando ignoramos fatos que se passam diante do nosso nariz. Saiba mais.

ver mais >>

Sexta-feira, 18 de Maio de 2012

Gurgel ratifica parecer que prevê fim do monopólio nas Comunicações

Bia Barbosa do Portal Carta Maior

A ação, ajuizada por Fábio Konder Comparato e assinada pelo PSOL em 2010, pede que o Supremo determine ao Congresso a regulamentação de artigos da Constituição que proíbem o monopólio, definem as finalidades da programação do rádio e da TV e regras para o direito de resposta. Segundo a ação, mais de 20 anos depois da promulgação da Constituição, o fato de o Congresso ainda não ter regulamentado estes artigos prejudica a democracia brasileira.

ver mais >>

Sexta-feira, 18 de Maio de 2012

Brasileiro do FB pode ser pego por lei dirigida

Da redação

Brasileiro pode ser apanhado pelo fisco
Brasileiro pode ser apanhado pelo fisco

Eduardo Saverin, o brasileiro que ficou bilionário ao participar da fundação do Facebook, quando era colega de quarto de Mark Zuckerberg, em Harvard, pode ser apanhado por um projeto de lei feito sob medida para o caso dele. Ele anunciou o desejo de abandonar o pedido de cidadania americana por cont do imposto de US$ 100 milhões que teria que arcar com a conquista. Saiba mais.

ver mais >>

Quinta-feira, 17 de Maio de 2012

Juristas pedem o fim da punição a jornalistas por criticar

Da Folha
FILIPE COUTINHO
NÁDIA GUERLENDA
DE BRASÍLIA

A arte de ser atiradeira
A arte de ser atiradeira

Profissional de imprensa seria equiparado aos críticos literários, de arte e ciência
A comissão de juristas criada pelo Senado para atualizar o Código Penal aprovou uma imunidade para os jornalistas não serem punidos ao fazer críticas: o jornalista poderá emitir “opinião desfavorável” sem ser condenado por injúria ou difamação. Saiba mais.

ver mais >>

Quinta-feira, 17 de Maio de 2012

Estudante que ofendeu nordestinos no twitter foi condenada

Do Portal R7

Ofensa gratuita e sem perdão
Ofensa gratuita e sem perdão

A estudante universitária Mayara Petruso foi condenada nesta quarta-feira (16) a 1 ano, 5 meses e 15 dias de reclusão por mensagem preconceituosa e de incitação à violência contra nordestinos em sua página no Twitter. A decisão foi da juíza federal Mônica Aparecida Bonavina Camargo, da 9ª Vara Federal Criminal em São Paulo. Saiba mais.

ver mais >>

Pág. atual: 350/353
 
 

Copyright 2018 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!