• Ouça a Rádio
  • Galeria de Fotos
  • Vídeos
  • Facebook
  • Twitter
Conexão Jornalismo é o primeiro site do país a merecer o selo verde.
Planvale

Busca

 

Galeria de Fotos

 
 

 
 

Comunidade

home > colunas > audiência na tv

Audiência na TV

 

Segunda-feira, 25 de Maio de 2020

Jornalismo do SBT não se curva ao patrão e tira jornal do ar

Imagem de divulgação
Imagem de divulgação


A tentativa de manipular a notícia no Jornal do SBT que foi levado ao ar no sábado (23) terminou de maneira radical, mas ao mesmo tempo heroica. O Jornal do SBT não foi exibido e em seu lugar a emissora colocou um quadro de entretenimento fora da programação oficial. A razão só foi esclarecida posteriormente: Sílvio Santos atendeu a um pedido de pessoas ligadas a Bolsonaro que reclamaram do tom na cobertura do vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril - exibido inicialmente na sexta-feira (22).



Uma das filhas de Sílvio Santos, Patrícia Abravanel, é casada com o deputado federal da base governista, Fábio Faria (PSD-RN). E, segundo se revelam nos bastidores, ele teria reclamado do tom crítico usado sobre a participação de Bolsonaro na reunião com ministros que culminou com o pedido de demissão do então ministro da Justiça, Sérgio Moro.

A primeira versão foi a de o SBT teria tirado o jornalismo do ar para atender a uma pressão do Bolsonaro que teria demonstrado insatisfação com o jornal exibido na sexta. A TV do Sílvio Santos, ao lado da Record, do Bispo Macedo, são as que têm abocanhado a maior fatia publicitária do governo.

A condição sempre favoreceu a Rede Globo que agora, pela primeira vez, se vê numa situação de inferioridade.

Mas Conexão Jornalismo apurou que a decisão de retirar o jornal do ar não foi tomada de cima para baixo, mas resultado de um embate entre a redação de jornalistas e o comando da emissora. Insatisfeitos com a tentativa de manipulação da notícia, os jornalistas fizeram pressão e por fim foi tomada a decisão de não levar ao ar o Jornal do SBT.

A atitude dos profissionais de jornalismo do SBT, algo raro no país, equivale a repórteres dos jornais Globo, Estadão ou Folha de São Paulo a deixarem uma página em branco por não aceitar uma reportagem tendenciosa e, portanto, contra o bom jornalismo e a democracia. Ou uma rádio, da estatura da Jovem Pan, ficar algumas horas em silêncio para impedir que um colunista manipulador use o microfone de maneira nociva ao bom jornalismo.

Parabéns aos jornalistas do SBT

 

Veja também:

>> Uma semana de licença paternidade e o caos só ampliou

>> Começa estudo para vacina contra covid no Brasil com plasma de cavalos

>> Família de Lula processa Regina Duarte

>> Freixo "jantou" deputado Bolsonarista em debate na CNN - vídeo

>> Teich pede demissão menos de um mês após assumir Ministério da Saúde

 
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  •  
  •  comentário(s)
  •  
 
Jornalismo do SBT não se curva ao patrão e tira jornal do ar
 

Copyright 2020 - WebRadio Programa Conexão - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Go2web

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!